Carajás Esporte

verde

copa do brasil

Santos é condenado em caso de invasão e agressão ao goleiro Cássio na Copa do Brasil

O Santos foi julgado pelo Superior Tribunal de Justiça Desportiva (STJD), nesta quarta-feira (10), no caso de invasão ao gramado da Vila Belmiro e agressão de um torcedor ao goleiro Cássio, em 13 de julho, durante o clássico contra o Corinthians pela Copa do Brasil.

A pena poderia chegar até dez jogos de perda de mando de campo, mas o Tribunal decidiu condenar o Peixe a dois jogos com portões fechados, além de uma multa de R$ 35 mil.

Pelas próximas rodadas do Brasileirão, o time da Vila tem pela frente o clássico contra o São Paulo, dia 21, e, depois, Goiás (04/09), Athletico (28/09) e Atlético-MG (05/10).

Em sua defesa no STJD, o Santos exibiu um vídeo da revista feita aos torcedores na entrada da Vila Belmiro e reforçou as campanhas que o clube faz contra atos ilícitos da torcida.

Além disso, o advogado do clube, Marcelo Mendes, destacou que o agressor foi identificado e expulso do quadro societário do Santos, além de destacar também o trabalho de repreensão feito pelo clube.

“Se não for identificado, ai sim o clube tem que responder. Mas os cinco invasores foram e possuem B.O. O Leonardo [agressor de Cássio] vai responder criminalmente e está sendo excluído do quadro. De forma geral peço a absolvição do clube das acusações de invasão pela identificação dos invasores”, disse Marcelo Mendes.

COMPARTILHE

Recomendado para você

CABEÇA FRIA
Abel põe “cabeça fria” à prova para não ficar fora de eventual final da Libertadores com o Palmeiras
PALMEIRAS
Por que Jhon Jhon é a melhor opção para substituir Dudu hoje
Guardiola
Guardiola rasga elogios a Rico Lewis, joia do City: “Um dos melhores que treinei”
ORIENTE MÉDIO
Moisés é liberado pelo Londrina após receber proposta de time do Oriente Médio