Carajás Esporte

verde

punição

Goiás é proibido de registrar novos atletas por seis meses por dívida decorrente da venda de Michael

Esmeraldino sofre sanção por não pagar R$719 mil ao Goianésia, ex-time do atacante, que se transferiu para o Flamengo no início do ano passado

O Goiás está proibido de registrar jogadores por um período de seis meses por causa de uma dívida de R$719.698,32 junto ao Goianésia. A punição foi determinada na última sexta-feira pela Câmara Nacional de Resolução de Disputas (CNRD) da CBF.

Até a publicação desta reportagem, o departamento jurídico do Goiás ainda não tinha tomado conhecimento da decisão.

A dívida é referente à venda do atacante Michael do Goiás para o Flamengo no início de 2020. Na ocasião da transferência, o Goianésia vendeu os 5% dos direitos econômicos que ainda tinha ao Goiás e ficou de receber 500 mil euros divididos em três parcelas.

De acordo com Marco Antônio Maia, presidente do Goianésia, o Esmeraldino fez o repasse das duas primeiras, mas não o da terceira, que teria vencido em fevereiro de 2021.

O imbróglio foi parar na Câmara Nacional de Resolução de Disputas (CNRD) e, segundo o Goianésia, o Goiás se comprometeu a pagar R$719.698,32 até o dia 20 de setembro, mas não o fez.

Com o recesso da CBF, todos os prazos para as partes praticarem atos processuais ficam suspensos entre os dias 21 de dezembro de 2021 e 9 de janeiro de 2022, informou a CNRD, com acréscimo de que a suspensão dos prazos “não prejudica o recebimento e a análise de medidas de urgência pela Presidência da CNRD”.

A partir desta segunda-feira, a CBF vai abrir plantão para registrar reforços de clubes durante o recesso. A entidade nacional do futebol paralisa atividades entre esta segunda-feira (20) e dia 2 de janeiro (domingo), mas vai funcionar em regime excepcional.

Os clubes brasileiros vão ter duas pequenas janelas para registro de novos atletas – assim como treinadores – entre 20 e 23 de dezembro e depois de 27 a 30 de dezembro. Sempre na parte da tarde, de 14h às 17h. No período, o Boletim Informativo Diário vai ser alimentado pela CBF.

Se o Goiás não conseguir resolver esta questão até o dia 30 de dezembro, o clube esmeraldino só poderá inscrever jogadores a partir do dia 19 de janeiro, mesmo que entre em acordo com o Goianésia. Se a dívida não for sanada, o Goiás só poderá inscrever jogadores daqui a seis meses.

(GE GLOBO)

COMPARTILHE

Recomendado para você

CABEÇA FRIA
Abel põe “cabeça fria” à prova para não ficar fora de eventual final da Libertadores com o Palmeiras
PALMEIRAS
Por que Jhon Jhon é a melhor opção para substituir Dudu hoje
Guardiola
Guardiola rasga elogios a Rico Lewis, joia do City: “Um dos melhores que treinei”
ORIENTE MÉDIO
Moisés é liberado pelo Londrina após receber proposta de time do Oriente Médio