Carajás Esporte

verde

O Movaspp continua

Disputa na modalidade queimadas marca encerramento das Olimpíadas Movaspp

A torcida cumpriu seu papel e animou o encerramento das Olimpíadas Movaspp 2022. As disputas pelo título de campeão da modalidade queimadas foram acirradas. A Secretaria de Administração foi a campeã no feminino e a Secretaria de Obras levou a melhor no masculino. O eixo esporte se encerra, mas o Movimento de Valorização do Servidor Público de Parauapebas (Movaspp) continua com outros eixos de atuação.

“Foi um desafio pra gente, uma modalidade que a gente não conhecia, apenas brincamos quando criança, mas foi um prazer muito grande. Estamos empolgadíssimos, agora que ganhamos e somos campeões dessa modalidade”, comenta o engenheiro civil Rafael Santos, capitão do time da Semob.

A Coordenação de Treinamentos e Recursos Humanos (CTRH) destaca a importância do Movaspp para um atendimento público de excelência para toda a população. “Hoje, nós já percebemos que todos os servidores participam, se emocionam, vêm pra torcida. Então, é realmente valorizar o servidor público. Eu te confesso que foi emocionante”, conta Elveni Dalferth, coordenadora da CTRH.

Para a auxiliar administrativo Jordânia dos Santos, capitã da equipe da Semad, participar das olimpíadas foi uma oportunidade para os servidores praticarem um esporte. “Uma equipe maravilhosa que pôde dar um espaço para os servidores jogarem. Servidores atletas que não podiam jogar e o Movaspp deu essa oportunidade”, destaca.

O Movaspp continua

Apesar do encerramento do eixo esporte, Elveni Dalferth alerta “o Movaspp não terminou, o Movaspp não termina mais. Ele encerra em um ano e se inicia no ano seguinte”, conta empolgada e dando um spoiler de que virão muitas novidades nos próximos. Fique por dentro acessando o site: movaspp.parauapebas.pa.gov.br.

Texto: Morgana Albuquerque

Assessoria de Comunicação/PMP

 

COMPARTILHE

Recomendado para você

alegria
Autor de dois gols no último jogo, Esli quer “transmitir alegria” quando entra em campo
invicto
Com derrota da Tuna, Paysandu é o único invicto do Campeonato Paraense
FPF
Caeté e Águia repudiam ataque racista contra o atacante Fidelis
Parazão
Júlio foca em “corrigir erros” da Tuna para reverter vantagem do São Francisco no jogo de volta das quartas