Carajás Esporte

verde

Choveu

Boxing Day: Premier League tem rodada repleta de gols

Enquanto o resto do mundo para no final do ano para acompanhar as festas, o futebol na Inglaterra, como de costume, seguiu. A tradicional rodada do Boxing Day, em alusão ao feriado mais que centenário na Comunidade das Nações Britânicas que coincide com a (não-oficialmente reconhecida) primeira partida de futebol da história, agitou a Premier League nesse domingo, 26.

O líder do campeonato e atual campeão Manchester City fez um duelo de grandes emoções diante do Leicester City. A equipe de Pep Guardiola abriu 4 a 0 em apenas 25 minutos de jogo, mas viu o adversário voltar do intervalo disposto a dificultar as coisas, diminuindo a desvantagem para 4 a 3 nos 20 primeiros minutos da segunda etapa. No entanto, o City conseguiu respirar com mais dois gols e venceu por 6 a 3, com destaque para Sterling, que marcou duas vezes. O time de Manchester segue na ponta, agora com 47 pontos em 19 partidas disputadas.

Em segundo, empatados com 41, vêm Liverpool e Chelsea. O atual campeão europeu derrotou o Aston Villa, fora de casa, por 3 a 1, com dois gols do brasileiro naturalizado italiano Jorginho.

Em quarto, o Arsenal não tomou conhecimento do Norwich City e goleou fora de casa por 5 a 0. O destaque foi Bukayo Saka, autor de dois gols.

O Tottenham também não teve dificuldades para vencer o Crystal Palace por 3 a 0, com um gol do brasileiro Lucas Moura.

Em outro duelo já finalizado, o Southampton bateu o West Ham, fora de casa, por 3 a 2.

Rodada incompleta por conta da covid-19

Ainda restam dois confrontos pela rodada de número 19 da Premier League. Ainda neste domingo duelam Brighton e Brentford e nesta segunda-feira, 27, o Newcastle recebe o Manchester United. Outros três jogos acabaram adiados em virtude do aumento de número de casos do novo coronavírus no Reino Unido: Burnley x Everton, Wolverhampton x Watford e Liverpool x Leeds United. Algumas das equipes envolvidas alegaram não ter a quantidade mínima de atletas para poderem entrar em campo.

Os Reds, vice-líderes da competição, teriam a chance de se aproximarem do Manchester City, mas o Leeds foi um atingido por um surto, com cinco jogadores contaminados às vésperas da partida.

 

(ROMANEWS)

COMPARTILHE

Recomendado para você

alegria
Autor de dois gols no último jogo, Esli quer “transmitir alegria” quando entra em campo
invicto
Com derrota da Tuna, Paysandu é o único invicto do Campeonato Paraense
FPF
Caeté e Águia repudiam ataque racista contra o atacante Fidelis
Parazão
Júlio foca em “corrigir erros” da Tuna para reverter vantagem do São Francisco no jogo de volta das quartas