Carajás Esporte

verde

INDECISÃO

Após reunião com técnico da seleção polonesa, Flamengo segue sonhando com Jorge Jesus

Iniciou neste final de semana a série de encontros que o Flamengo terá com treinadores que podem assumir o clube em 2022. O primeiro deles foi com Paulo Sousa, técnico da seleção polonesa. Porém, de acordo com o GE, as conversas aconteceram sem compromisso.

O motivo: Jorge Jesus. Marcos Braz e Bruno Spindel seguem à espera do treinador, seja para acertar seu retorno ao Flamengo ou para fechar de vez essa possibilidade. Por sua vez, em semana de clássico contra o Porto, o Mister está evitando os encontros pessoais e repassando a responsabilidade para o empresário Bruno Macedo.

Sabendo que os dois jogos contra o Porto serão decisivos, Jesus não quer que o encontro aconteça para evitar uma exposição sobre possível negociação com o Flamengo. Isso inflamaria a torcida do Benfica, já que acontece às vésperas do duelo contra o grande rival. Além disso, acaba “cozinhando” o Rubro-Negro e mantendo a chance viva.

Por sua vez, o Flamengo não quer dar as costas para Jorge Jesus sabendo que pode tê-lo no mercado em dez dias. A percepção é que isso pressionaria ainda mais o próximo treinador. Enquanto resolve o que fazer, o Rubro-Negro mantém a agenda de reuniões e o encontro com Paulo Sousa agradou ambas as partes.

Por fim, a conversa foi em tom informal, sem avanços em termos de negociação. O Flamengo deixou claro que próximos passos dependerão da conversa com Jorge Jesus, mesmo com esse encontro não tendo data. Com Bruno Macedo e Jorge Jesus no modo defensivo, Braz e Spindel consideram que esperar o clássico com o Porto é demais.

(ROMA NEWS)

COMPARTILHE

Recomendado para você

CABEÇA FRIA
Abel põe “cabeça fria” à prova para não ficar fora de eventual final da Libertadores com o Palmeiras
PALMEIRAS
Por que Jhon Jhon é a melhor opção para substituir Dudu hoje
Guardiola
Guardiola rasga elogios a Rico Lewis, joia do City: “Um dos melhores que treinei”
ORIENTE MÉDIO
Moisés é liberado pelo Londrina após receber proposta de time do Oriente Médio