Carajás Esporte

verde

MARABÁ

Centenas de ciclistas participam da 2ª edição da Trilha da UCM, na Vila São José

Centenas de ciclistas de Marabá e região acordaram cedo neste domingo (5) e se dirigiram para Vila São José, onde ocorreu a 2ª edição da Trilha da União dos Ciclistas de Marabá (UCM). Foram 60 km de percurso passando pela estrada do Rio Preto.


Thyago Ferraz, titular da Semel

 

A Secretaria Municipal de Esporte e Lazer (Semel) deu apoio ao evento com a assessoria da equipe técnica, distribuição de camisetas e medalhas. Thyago Ferraz ressalta o crescimento do esporte e os benefícios de incentivar ações de cicloturismo como essa.  “Somos uma cidade do interior das mais prontas para se pedalar. Temos uma boa ciclofaixa na região, pessoas treinam durante a noite. O ciclismo é forte e o evento só vem a somar e crescer”, destaca.

O Grupo Giro de Elite, por exemplo, veio de Buriticupu, no Maranhão, com 22 atletas para participar do evento. “Para gente é uma maravilha, sempre participamos. Estivemos em Carolina e lá ficamos sabendo dessa trilha e estamos aqui participando”, comenta uma das coordenadoras do grupo, Geane Ferreira.


Geane Ferreira, coordenadora do Grupo Giro de Elite

O grupo, que tem dois anos de existência, montou recentemente uma equipe de competição e vieram tanto para passear quanto para competir. “É uma equipe voltada para pessoas que estão iniciando no pedal. Agora montamos equipe de competição também. Vamos participar do bolão”,  conta.

O evento foi organizado pela UCM e contou com 300 ciclistas, preenchendo todas as inscrições disponíveis. Os atletas receberam kit com medalha e camiseta, café da manhã, almoço, sorteio de brinde, premiação e sorteio de uma bicicleta.

“Fizemos essa programação de cicloturismo com bastante planejamento. Foi algo pensado para o público ciclista de Marabá e região. Toda a alimentação é por conta da UCM. Quem não conhece o esporte que venha conhecer e na próxima edição, quem sabe, estar participando também” comenta Larissa Fonseca da organização da UCM.

Roberto Carvalho, do grupo Bike é Vida, foi um dos participantes que experimentou o pedal devido a um problema de saúde e hoje ama o esporte. “Comecei há um ano e meio por causa de uma contusão no joelho. Hoje estou aqui praticando e a contusão está superada graças a Deus”.


Roberto Carvalho, Grupo Bike é Vida

Ele destaca outras vantagens do esporte em sua vida. “Eu comecei no esporte por questão de saúde e me apaixonei. É um esporte que serve para unificação das pessoas e melhorar essa parte física. Esporte aeróbico, ganha condicionamento, conhecimento e amigos. Falo por conhecimento de causa”, conclui.

A 1º Trilha da União dos Ciclistas de Marabá (UCM) havia sido realizada em dezembro de 2021. O trajeto iniciou na Praça do Novo Horizonte, núcleo Cidade Nova, com chegada na Vila Bacabalzinho próximo às praias do Sossego e Lençóis. O percurso durou cerca de três horas.

Texto: Osvaldo Henriques

Fotos: Paulo Sérgio / Sérgio Barros (aéreas)

COMPARTILHE

Recomendado para você

alegria
Autor de dois gols no último jogo, Esli quer “transmitir alegria” quando entra em campo
invicto
Com derrota da Tuna, Paysandu é o único invicto do Campeonato Paraense
FPF
Caeté e Águia repudiam ataque racista contra o atacante Fidelis
Parazão
Júlio foca em “corrigir erros” da Tuna para reverter vantagem do São Francisco no jogo de volta das quartas